Ir para conteúdo
FCC

Professor (Brasil)

Eliomar Landim

Eliomar Landim e´ de São José dos Campos/SP, formado em Acordeon Erudito pelo Conservato´rio Musical Beethoven em Sa~o Paulo-SP, desde cedo escolheu o instrumento como forma de inspirac¸a~o, construindo sua carreira musical. Semifinalista da edic¸a~o de 2016 do programa “Prelu´dio”, de mu´sica cla´ssica da TV Cultura, regido pelo maestro Ju´lio Medaglia, com o concerto de N. Paganini, “Moto Perpetuo”, sendo o u´nico acordeonista a se classificar para o maior programa de mu´sica erudita do Brasil, que reu´ne grandes talentos da mu´sica cla´ssica de alto ni´vel.

Seu primeiro a´lbum “Eliomar Landim In Concert” e´ um projeto que reu´ne compositores da mu´sica erudita dos peri´odos Barroco e Roma^ntico, tendo o apadrinhamento de grandes i´cones da mu´sica como o Maestro Ju´lio Medaglia, Toninho Ferragutti entre outros. Convidado do projeto “Casa do Jazz” de Chico Oliveira (sexteto do Jo^ Soares) em outubro de 2016, no SESC Sa~o Jose´ dos Campos-SP juntamente com Carlos Malta, Joa~o Donato e Ricardo Silveira. E´ professor de acordeon erudito e popular, com alunos no Brasil, China, Irlanda, Portugal e outros pai´ses atrave´s de EAD, ale´m de atuar como professor substituto de Toninho Ferragutti nas renomadas escolas EMESP Tom Jobim e Escola do Audito´rio Ibirapuera em Sa~o Paulo capital.

Incentivado pelo pai, teve seu primeiro contato com o instrumento aos sete anos de idade, logo depois aos onze anos comec¸ou seus estudos, passando por grandes professores em sua cidade natal, e aos quinze anos iniciou oficialmente sua carreira como acordeonista tocando com grupos regionais e tendo as influencias de seus professores, gravou alguns trabalhos juntamente com va´rios mu´sicos da cidade, e posteriormente comec¸ou a se aprofundar nos estudos, estudou te´cnica, influencias e repertorio de choro e erudito com Jose´ Braga, aos dezenove anos comec¸ou a estudar com professores e mu´sicos renomados no Brasil e no mundo, destaque para Toninho Ferragutti (SP), Emanuele Rastelli (Ita´lia), Jeferson Oliveira (RS), Guilherme Ribeiro (SP) e Marina Alba Picone (SP).

Sendo um dos u´nicos do pai´s a representar a mu´sica erudita no Acordeon, Eliomar leva o instrumento a`s salas de concertos e teatros pelo mundo, sendo o u´nico brasileiro a gravar grandes obras como: “Moto Perpetuo” de Paganini, “Rapso´dia Hu´ngara N.2” de Franz Liszt dentre outras. “O Acordeon e´ um dos u´nicos instrumentos que consegue executar com perfeic¸a~o o reperto´rio erudito, e deve ser mais valorizado e respeitado como em outros lugares do mundo, na~o so´ pelas suas questo~es folclo´ricas e tradicionais, mas tambe´m por seus recursos e possibilidades de execuc¸a~o da mu´sica Cla´ssica” – Eliomar Landim.

 

Foto: Amanda Moraes

www.eliomarlandim.com