Ir para conteúdo
FCC

16h18

Jovens solistas da Oficina de Música movimentam o Passeio Público

Um concerto com 11 cantores solistas da 37ª Oficina de Música de Curitiba, no começo da noite desta terça-feira (21/1), abriu a programação lírica do evento no coreto do Passeio Público e movimentou o parque mais antigo da cidade.

O espetáculo foi apresentado pelo diretor artístico da parte erudita do evento, maestro Abel Rocha. 

“As musas voltaram ao Passeio Público, junto à Ilha das Ilusões, nas vozes destas alunas e alunos da Oficina de Música. Eu apresento a nova geração de cantores líricos formada em Curitiba”, disse o prefeito Rafael Greca, que assistiu ao concerto ao lado de adultos e crianças sentadas nos bancos, no gramado dos canteiros e de pé. 

Entre os solistas estava o tenor goiano Adão Oliveira, que se dedica ao canto lírico há dois anos e faz planos para continuar estudando e se profissionalizar na Europa. “É um cantor que interpreta com muito sentimento”, observou o professor Paulo Mandarino, que do meio do público observava o desempenho dos alunos. 

Oliveira apresentou a canção napolitana Core‘Ngrato, que já foi interpretada por cantores líricos como Caruso e Pavarotti. “A Oficina de Música está sendo uma etapa importante na minha caminhada”, disse o aluno, que vem de uma cidade onde faz muito calor e, por isso, está “adorando” o calor ameno do verão curitibano.

Maratona de concertos

Na plateia, a arquiteta Luciana Rogoski prestigiava o nono espetáculo da Oficina e se preparava para o décimo, na mesma noite:um concerto de música antiga na Capela Santa Maria, perto do Passeio Público. “São espetáculos muito bons. Pena que não dá pra ver mais”, disse.  

Também prestigiaram o concerto o vice-prefeito, Eduardo Pimentel; os presidentes da Fundação Cultural, Ana Cristina de Castro, e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac), Marino Galvão; e a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila. 

Parceiros

A 37ª Oficina de Música de Curitiba é uma realização da Prefeitura de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba, do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac), Ministério da Cidadania, da Secretaria Especial da Cultura e governo federal.

O evento tem patrocínio máster da Caixa Econômica Federal, apoio cultural da Família Farinha, Comunidade Luterana Igreja de Cristo, Igreja Bom Jesus dos Perdões, Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), Bicicletaria Cultural, Universidade Federal do Paraná, Lamusa - Laboratório de Música Sonologia e Áudio, Sistema FIEP, Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC), HOG The One Curitiba, Solar do Rosário e apoio máster do Teatro Guaíra e Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR).

Autor: Assessoria de Imprensa
Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Fale com a comunicação

Veja Também

Outras Notícias

Oficina de Música chega ao fim com inclusão e público de 60 mil pessoas

Continue lendo

Comerciante que se descobriu cantor na Rua da Cidadania dedica concerto à mãe

Continue lendo

Oficina de Música fez Beethoven abraçar Pixinguinha, diz Greca

Continue lendo

Oficina de Música reuniu o maior número de alunos dos últimos anos

Continue lendo

Músicos paranaenses são homenageados em concerto inusitado

Continue lendo