Ir para conteúdo
FCC

11h59

Curitibinhas brilham junto com Toquinho em show na Ópera de Arame

A noite de quarta-feira (6/7) foi de muita emoção para 80 crianças e adolescentes do MusicaR, projeto de educação musical da Prefeitura de Curitiba. Elas cantaram ao lado de Toquinho no palco da Ópera de Arame, onde o cantor apresentou o show Arte de Viver, junto com a cantora Camila Faustino, dentro da programação da 39ª Oficina de Música de Curitiba

A apresentação ficou ainda mais especial por ter acontecido no dia do aniversário do mestre da MPB. Como presente, Toquinho ganhou do público, que lotou a Ópera de Arame, um imenso coro de “Parabéns pra Você”. 

Outra surpresa da noite foi um videoclipe da música O Caderno, com participação das crianças do MusicaR ao lado de Toquinho e do coro infantil italiano da OperaPrima Scuola Musicale Dei Quattro Vicariati, que tem parceria com o projeto curitibano de musicalização infanto juvenil. 

O clipe foi gravado à distância e a produção é fruto de oito meses de trabalho do projeto. “Eu me orgulho muito dessas crianças se espelharem em mim, de saber que estão estudando e se dedicando à música e arte nesse projeto tão bonito da Prefeitura de Curitiba”, disse Toquinho.

Memórias marcantes 

Com muitas lembranças e histórias, Toquinho abriu o show destacando os 50 anos do Teatro do Paiol, ícone da revolução cultural e urbanística de Curitiba.

“São recordações lindas que tenho dessa cidade que eu frequento há 50 anos, desde que ao lado de Vinícius de Moraes e Marília Medalha, inauguramos o Paiol, um teatro tão simbólico”, disse o cantor.

Durante a primeira parte do show, o público ouviu Toquinho tocar seu violão e cantar ao lado de sua parceira de palco Camila Faustino, que se apresentou pela primeira vez em Curitiba, músicas clássicas dos seus 55 anos de carreira, como Tarde em Itapuã, Que Maravilha, Regra Três, Samba de Orly entre outras composições.

O final foi reservado para a participação especial das crianças e adolescentes do MusicaR, que acompanharam o músico em Aquarela e Caderno, levando o público a aplausos entusiasmados. 

Emoção em família

A família de Emilly Silva do Nascimento, de 12 anos, atravessou a cidade para estar na plateia nesse momento tão especial. A avó Aparecida do Nascimento e a tia Deidinária Silva do Nascimento, foram do Sítio Cercado para o Pilarzinho onde fica Ópera de Arame para aplaudir Emilly.

“Vamos em todas as apresentações e acompanhamos a Emilly nas aulas porque sabemos que é um projeto muito importante para a vida dela e do qual ela gosta muito”, disse a tia Deidinária.

Autor: Prefeitura de Curitiba
Fonte: Assessoria de Imprensa

Fale com a comunicação

Veja Também

Outras Notícias

Oficina de Música termina com show eletrizante de Margareth Menezes

Continue lendo

Erudito e popular viram uma só música em concerto de encerramento

Continue lendo

DJ BK 12 traz o RAP para a Oficina de Música de Curitiba

Continue lendo

Neymar Dias transporta a música de Bach para a viola brasileira

Continue lendo

Spok e Banda Lyra fazem o público dançar na abertura do Festival de Inverno

Continue lendo